Análise da produção de leite do Vale do Taquari, Rio Grande do Sul, Brasil.

E.O.B. Nara, T. Guerra, M.B. Xavier, L.M. Kipper, L.B. Benitez, J. Moraes

Resumen


Esta pesquisa analisa alguns efeitos responsáveis pela variabilidade da produção de leite do Vale do Taquari, Rio Grande do Sul (RS), Brasil. O primeiro objetivo foi avaliar a variabilidade do manejo de pastejo rotacionado com a prática da seleção de matrizes de novilha e suas influências sobre o faturamento bruto anual. O segundo objetivo foi analisar se a seleção de matrizes de novilha e o tipo de investimento têm influência sobre a quantidade de litros de leite/ano. Como método da pesquisa procedeu-se ao teste de análise de variância com dois fatores para investigar a variabilidade das variáveis faturamento bruto anual e quantidade de litros de leite/ano. Constatou-se que o faturamento bruto anual aumenta de forma significativa quando o produtor pratica o pastejo rotacionado e faz a seleção de matrizes de novilhas. Esse aumento é da ordem de 35,86% para os produtores que praticam o pastejo rotacionado em relação aos que não praticam. Para os produtores que fazem a seleção de matrizes de novilha em relação aos que não fazem o aumento é da ordem de 22,77%. A análise de regressão mostra que a cada aumento de 1 litro de leite, o faturamento esperado aumenta em 1,146 reais na região do Vale do Taquari, RS.

Palabras clave


Pastejo rotacionado. Matrizes de novilho. Faturamento bruto anual.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v65i252.1925

Enlaces refback



Copyright (c) 2016 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494