Influência da dieta, sexo e genótipo sobre o perfil lipídico da carne de ovinos

A. C. Oliveira, R. R. Silva, H. C. Oliveira, V. V.S. Almeida, R. F. Garcia, U. L.C. Oliveira

Resumen


Nos dias atuais o perfil dos consumidores têm modificado, principalmente quando se trata de aspectos ligados á saúde. Diante dessa iminente preocupação diversos pesquisadores em todo o mundo despertaram o interesse em modificar o perfil lipídico da carne de ruminantes, uma vez que a gordura se tornou um componente impopular da carne. Ë sabido que a composição de ácidos graxos nos ruminantes pode ser influenciada por fatores de ordem interna (sexo, genética), como por fatores externos aos animais como manejo alimentar e dieta. A manipulação da dieta é o fator que mais exerce influência sobre o perfil de ácidos graxos de carne de cordeiros. Nesse sentido o principal foco desta revisão é abordar os efeitos desses fatores sobre a composição de ácidos graxos de ovinos.

Palabras clave


Ácidos graxos. Gordura. Raças. Alimentação.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v62i237.1957

Enlaces refback



Copyright (c) 2016 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494