Produção e utilização da glicerina bruta na alimentação de frangos de corte

C. Souza, R.V. Nunes, J. Broch, L. Wachholz

Resumen


A glicerina bruta (GB) é um coproduto gerado no processo de produção do biodiesel, do qual representa 10% do produto final. A utilização da GB na alimentação de animais não-ruminantes torna-se interessante, pois apresenta um alto teor de energia bruta e, ainda, a sua utilização pode proporcionar o retorno de parte das matérias-primas empregadas na produção de energia à cadeia alimentar, dando origem a produtos de elevado valor nutritivo. O emprego da glicerina na sua forma bruta como alimento energético vem sendo estudado como uma alternativa para a redução do custo com a alimentação animal, além de proporcionar um destino ambientalmente correto a esse coproduto. Porém, os valores enérgicos e a composição da GB, encontrados na literatura, apresentam grande variação, porque no processo de produção do biodiesel podem ser utilizadas diferentes matérias primas bem como diferentes processos. Além disso, a GB pode apresentar altas concentrações de metanol e sal (sódio ou potássio), devido a utilização do metanol e hidróxido de sódio ou potássio durante o processo de produção do biodiesel. Neste contexto, é necessário o entendimento da capacidade da utilização da GB e seus possíveis efeitos adversos em frangos de corte. Perante estes factos, o objetivo desta revisão é caracterizar a GB como um alimento alternativo para frangos de corte, bem como os fatores que devem ser avaliados antes da sua utilização.

Palabras clave


Coproduto. Desempenho. Valor energético.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v66i256.2781

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2017 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494