Morfologia corporal de equinos quarto de milha puros e mestiços utilizados no laço comprido no Mato Grosso do Sul

M. P. G. Rezende, U. G. P. Abreu, J. C. Souza, S. A. Santos, G. G. Ramires, L. G. Sitorski

Resumen


Analisou-se pelagens, índices morfométricos (IM) e conformação (IC) de 125 equinos adultos da raça Quarto de Milha (QM), distribuídos em puros (67 fêmeas e 26 machos) e mestiços (24 fêmeas e 8 machos) utilizados em provas de Laço Comprido no Mato Grosso do Sul, Brasil. Estudou-se variação das pelagens a partir da simples contagem das ocorrências do fenômeno. Para análise dos IM, mensuram-se 28 medidas lineares e com base nessas, calculou-se 12 IC. Utilizou-se o método dos quadrados mínimos, com modelo contendo como fontes de variação os efeitos de sexo, grupo genético (equino puro ou mestiço) e interação grupo genético*sexo e estimaram-se correlação de Pearson entre os IM com os IC. As pelagens de maior predominância entre os equinos foram à alazã (42,40 %) e castanha (22,40 %). Observaram-se nos IM e IC (p<0,05) efeito das fontes de variação. Sugeriram-se IM correlacionados com IC, podendo contribuir para produção de equinos com aptidões desejadas pelos criadores.

Palabras clave


Aptidões. Atividade equestre. Biometria corporal. Equus caballus.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v64i246.395

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2015 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494