Controle e susceptibilidade de capim-braquiária e capim-ruziziensis ao glyphosate e fluazifop-p-butil

R.R. Silveira, M.V. Santos, E.A. Ferreira, T.G.S. Braz, J.B. Santos, J.C.A. Andrade, J.P.R. Costa, A.M.S. Silva, L.D. Silva

Resumen


Este estudo teve como objetivo avaliar o controle e susceptibilidade de capim-braquiária e capim-ruziziensis em crescimento inicial submetidos a diferentes doses dos herbicidas glyphosate e fluazifop-p-butil. Os tratamentos foram arranjados no esquema fatorial 2 × 6, com cinco repetições, sendo duas gramíneas: Brachiaria decumbens cv. Basilisk (capim-braquiária) e B. ruziziensis (capim-ruziziensis), e seis doses dos herbicidas: 0,00; 0,25; 0,50; 1,00; 1,5 e 2,00 vezes a dose comercial indicada pelos fabricantes. Aos 7, 15, 21 e 30 dias após aplicação dos herbicidas (DAA) foram avaliadas visualmente a intoxicação em capim-braquiária e capim-ruziziensis. O glyphosate causou intoxicação de 100% em plantas de capim-braquiária e capim-ruziziensis, mesmo na menor dose (90 g ha-1), podendo ser utilizado com eficiência para o controle dessas espécies no início de desenvolvimento. Foi observado que as plantas submetidas ao fluazifop-p-butil apresentaram rebrota apenas nas doses aplicadas até 100 g ha-1 para capim-braquiária e 50 g ha-1 para o capim-ruziziensis. Esses resultados confirmam a eficiência dessa molécula herbicida no controle dessas duas espécies a partir das doses de 200 g ha-1 e 100 g ha-1 para capim-braquiária e capim-ruziziensis, respectivamente.

Palabras clave


Brachiaria decumbens. Brachiaria ruziziensis. Controle químico. Pastagem. Tolerância.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v68i263.4199

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2019 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494