Estimativa de coeficientes de repetibilidade para mancha ocular em clones de Pennisetum

T.N. Oliveira, M.V.F. Santos, M.A. Lira, A.C.L. Mello, R.L.C. Ferreira, M.A. Lira Júnior, N.G.M. Silva

Resumen


O trabalho foi realizado na Estação Experimental de Itambé, do Instituto Agronômico de Pernambuco-IPA, e objetivou obter estimativas de parâmetros genéticos e de coeficientes de repetibilidade, sob diferentes métodos, da variável mancha ocular em clones de Pennisetum. Foram avaliados 16 clones de Pennisetum em delinea-mento de blocos ao acaso, com cinco repetições, no período de março de 2004 a maio de 2005, totalizando sete avaliações. Os coeficientes de repetibilidade foram estimados por: análise de variância, componentes principais - matriz de correlação, componentes principais - matriz de covariância e análise estrutural - matriz de correlação. O valor máximo da herdabilidade para mancha ocular foi de 95%. Os coeficientes de repetibilidade estimados pelos quatro métodos variaram de 0,75 a 0,78. As sete avaliações foram suficientes para obter coeficiente de determinação de 0,95 para todos os métodos avaliados. Não foi observada diferença entre os métodos avaliados.

Palabras clave


Capim-elefante. Helminthosporium sp. Melhora-mento de forrageiras. Variabilidade genética.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v60i231.4536

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2011 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494