Reciclagem biológica do fósforo a partir do efluente suíno originário da biodigestão anaeróbia: uma revisão

A. Adelson Costa, E. da Silva Lima, F.R. Martins Soto

Resumen


O efluente suíno (ES) apresenta elevado potencial poluidor, pois, mesmo após o processo de biodigestão anaeróbia, contém ainda concentrações variáveis de nutrientes, especialmente de fósforo (P). Este trabalho teve como objetivo investigar por meio de uma revisão de literatura a reciclagem biológica do P como alternativa para o tratamento de ES originário da biodigestão anaeróbia. Observou-se que o processo denominado de remoção biológica reforçada de fosfatos consiste no método mais utilizado na remoção do P presente em efluentes. Ele consiste na ciclagem da biomassa através de ambientes aeróbios e anaeróbios e envolve a incorporação do P no interior da célula das bactérias e, a subsequentemente remoção da massa enriquecida com P no lodo. Apesar de existirem muitos aspectos a serem esclarecidos a respeito destas tecnologias, destaca-se que a reciclagem e a recuperação do P presente no ES representam importantes avanços na promoção da sustentabilidade no uso deste recurso que está ligado diretamente à segurança alimentar global.

Palabras clave


Bactéria. Produtor rural. Segurança alimentar. Suinocultura. Sustentabilidade.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v69i268.5397

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2020 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494