Características de silagens de milho inoculadas com Lactobacillus buchneri e L. plantarum

P. A. R. Salvo, F. C. Basso, C. H. S. Rabelo, A. A. Oliveira, A. P. Sader, D. R. Casagrande, T. T. Berchielli, R. A. Reis

Resumen


Objetivou-se avaliar o padrão fermentativo, estabilidade aeróbia e valor alimentício de silagens de milho inoculadas com Lactobacillus buchneri associado ou não ao L. plantarum. Os tratamentos avaliados foram: silagem de milho sem inoculação (controle); silagem de milho inoculada com L. buchneri NCIMB 40788 (1x105 UFC/g forragem); silagem de milho inoculada com L. buchneri NCIMB 40788 e L. plantarum MA18/5U (1x105 UFC/g forragem). A inoculação com L. buchneri promoveu alterações no padrão fermentativo e composição química das silagens, notando-se maior perda de matéria seca (MS) e estabilidade aeróbia nestas silagens. Contudo, as mudanças químicas ocorridas durante a fermentação não foram suficientes para alterar o consumo de MS e de nutrientes por novilhas mestiças, embora tenha se observado maiores digestibilidade da MS e matéria orgânica devido à ação das bactérias ácido-láticas, o que refletiu na maior produção de ácidos graxos de cadeia curta e menores valores de pH. Os resultados deste trabalho permitem concluir que a estabilidade aeróbia das silagens de milho aumenta devido à aplicação de L. buchneri de forma isolada. Contudo, a aplicação isolada ou associada ao L. plantarum não altera o consumo de matéria seca e de nutrientes, mas resulta no aumento da digestibilidade aparente da matéria seca e matéria orgânica.

Palabras clave


Ácidos orgânicos. Consumo. Digestibilidade. Estabilidade aeróbia. Valor nutritivo.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v62i239.643

Enlaces refback



Copyright (c) 2012 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494