Suplementação com óleo de coco para leitões até o desmame

R.G.S. Deminicis, P.P. Mendonça, M.O. Paula, B.B. Deminicis, Y.R. Moreira

Resumen


Objetivou-se avaliar o desempenho e mortalidade de leitões do nascimento à desmama submetidos a dieta suplementada com óleo de coco, bem como realizar a caracterização ambiental das instalações. O experimento foi realizado utilizando instalações suinícolas de maternidade. O delineamento experimental foi em blocos inteiramente casualizados, com 2 tratamentos, oito blocos e doze leitões por unidade experimental. Os leitões que foram suplementados receberam 12 ml de óleo de coco. Os escamoteadores proporcionaram condições estáveis nas horas mais quentes do dia, em relação às baias. A umidade relativa do ar permaneceu abaixo dos patamares ideais para os suínos nos horários mais quentes do dia; o ITGU esteve apropriado na recomendação do conforto térmico. Foi verificado que não houve efeito (p>0,05) do uso de suplementação com óleo de coco sobre o ganho de peso médio diário (g/dia) dos leitões até o desmame, os valores alcançados foram 227 g/dia e 228 g/dia, sem o uso e com o uso de óleo de coco respetivamente. A taxa de mortalidade dos leitões suplementados foi de 1,66% e aqueles que não receberam a suplementação foi de 5%, mostrando a importância do óleo de coco quando se leva em consideração a produção de leitões por matriz.

Palabras clave


Suínos. Lipídeos. Ganho de peso. Mortalidade.

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v66i255.2522

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2017 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494