Influência do escore de condição corporal na probabilidade de prenhez em bovinos de corte

H. L. Torres, J. O. Tineo, F. S. Raidan

Resumen


Objetivou-se avaliar a influência do escore de condição corporal (ECC) na probabilidade de prenhez de fêmeas Nelore em programas de inseminação artificial em tempo fixo (IATF). Realizou-se o protocolo de IATF e a avaliação visual do ECC (escala biológica de 1, muito magra a 5, muito gorda) em 5.082 fêmeas de diferentes ordens de parto criadas em três fazendas localizadas na região Norte de Minas Gerais. O resultado do diagnóstico de gestação - positivo, 1 e negativo, 0 foi utilizado para estudo da probabilidade de prenhez, modelada por meio de regressão logística, a partir das variáveis regressoras: ordens de parto, fazenda e escore de condição corporal. A probabilidade de prenhez média foi 52,03 %. As variáveis fazenda e ordem de parto não influenciaram a prenhez das fêmeas Nelore. O aumento em 0,5 unidade de ECC implicou um incremento de 39,0 % na probabilidade de prenhez. O escore de condição corporal interfere na probabilidade de prenhez de fêmeas bovinas da raça Nelore em programas de inseminação artificial em tempo fixo.

Palabras clave


Manejo reprodutivo. Nelore. Inseminação artificial em tempo fixo.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v64i247.403

Enlaces refback



Copyright (c) 2015 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494