Níveis de cálcio e avaliação óssea e de ovos de avestruzes reprodutoras.

I. C. L. Almeida Paz, A. A. Mendes, A. Balog , M. R. F. B. Martins, I. C. L. Almeida, B. C. S. Fernandes, E. L. Milbradt, L. C. Vulcano, C. M. Komiyama, K. F. G. Cardoso

Resumen


Realizaram-se análises da densidade óssea em tíbias e fêmures de 6 casais de avestruzes reprodutoras com idade entre 5 a 7 anos, alimentados durante 8 semanas, 3 casais com ração de reprodução (T1), e 3 casais com ração de manutenção (T2). Verificou-se que a produção de ovos não foi afetada pelas dietas, assim como a qualidade da casca dos ovos. No entanto a qualidade dos ossos foi pior para as aves do T2.

Palabras clave


Qualidade de osso. Nutrição. Postura. Produção.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v59i227.4723

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2008 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494