Caulim: Características físicas e químicas de um marcador de consumo ideal

L.S. Caramelar, C.B. Ribeiro, M.G. Morais, T.A. Carvalho, T.G. Costa, L.O.F. Oliveira

Resumen


O objetivo da revisão foi descrever as características físicas e químicas do caulim, a fim de se conhecer a substância e propor como opção de marcador externo de consumo de matéria seca e excreção fecal de bovinos de corte em pastejo. Um marcador é considerado ideal quando apresenta características como ser inerte, não ser tóxico, não ter funçã o fisiológica, não ser metabolizado, entre outras. Atualmente todos os marcadores possuem limitações, com isso pesquisas têm sido realizadas com intuito de descobrir um marcador que apresente todas esses atributos. Assim, o caulim destaca-se como interessante alternativa, pois além de fazer parte da nutriçã o dos animais, trata-se de um mineral cujas características evidenciam possível aplicaçã o, como ser inerte em ampla faixa de pH (3 a 9), fácil dispersão, baixa condutividade térmica e elétrica, baixo custo e boa resistência ao ataque químico por ácidos ou álcalis. Para a mensuração da substância via fezes, é preciso determinar a concentração de algum de seus elementos, ou seja, pelo fato do Al de estar presente nas forrageiras em concentração muito pequena, e metodologia analítica mais prática, leva a acreditar que este elemento é a escolha mais coerente. Conclui-se que o caulim características de um potencial marcador externo e pode ser quantificado com precisão nas fezes por meio do elemento alumínio.

Palabras clave


Caulim. Consumo de matéria seca. Excreção fecal.

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))


DOI: https://doi.org/10.21071/az.v70i270.5473

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2021 Archivos de Zootecnia



DESCARGA NUESTRA APLICACIÓN PARA SMARTPHONES

Haz click y sigue las intrucciones

Aplicación Móvil y Shorcut para Apple

Copyright

Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-CompartirIgual 4.0 Internacional.

Editorial

UCOPress. Cordoba University Press (UCOPress Editorial Universidad de Córdoba)

ISSN: 1885-4494